Ceará vence Fortaleza de virada

O duelo entre Ceará e Fortaleza neste domingo (30) foi digno de um Clássico-Rei. Com movimentação intensa durante grande parte da partida, o jogo foi marcado por umareviravolta de postura do Vovô na segunda metade do 2º tempo, que assegurou a vitória alvinegra por 3 a 1.

Saindo do banco, Bill foi o grande responsável pela vitória alvinegra. O centroavante empatou placar quando o Ceará não parecia esboçar reação, e também foi o autor do gol da virada. Magno Alves, para o Vovô, e Edinho, para o Leão, fizeram marcaram os outros tentos do duelo.

O resultado quebra uma invencibilidade histórica do Fortaleza no Campeonato Cearense. O Leão estava há 25 jogos sem saber o que era uma derrota. Já o Vovô chega àmarca de 9 partidas sem perder um Clássico-Rei.

Já classificados, Ceará e Fortaleza esperavam conhecer seus adversários da semifinal. Líder, o Leão recebe o 4º colocado Icasa, que empatou com o Guarani de Juazeiro em 1 a 1. Já o Vovô encara o Guarany de Sobral, que ficou na 3ª colocação após empate em 1 a 1 com o Horizonte.

Leão aproveita chance e abre o placar

Apesar da intensa movimentação de ambas equipes no primeiro tempo do Clássico-Rei, os lances de perigo foram poucos. O Fortaleza, porém, soube aproveitar a única chance criada e saiu à frente no placar.

Mais presente ao ataque nos minutos iniciais, o Ceará foi o primeiro a assustar. Aos 8 minutos,Tadeu recebeu passe de Felipe Amorim na área e apareceu livre, mas o centroavante se enrolou no lance e deixou a bola limpa para o goleiro Luis Henrique. 

Aos 14, novo lance de perigo foi criado pelo Vovô. Tadeu pegou sobra da defesa, e, de bicicleta, achou Anderson livre na área. O zagueiro cabeceou à queima roupa para a defesa de Luís Henrique, mas o assistente havia assinalado impedimento. 

Apostando nos contra-ataques, o Leão conseguiu abrir o placar em uma rápida jogada de seus meias. Aos 18, Marcelinho Paraíba lançou Edinho. O jovem tirou a marcação de Anderson com um simples tapa na bola e ficou cara-a-cara com Luís Carlos. Com tranquilidade, o meia tirou do goleiro e abriu o placar. 

Com desvantagem no placar, o Ceará voltou a imprimir o maior ritmo de jogo. A superioridade técnica alvinegra, porém, não foi transformada em boas chances. A melhor delas foi criada aos 32, quando Ricardinho arriscou de fora da área, mas a bola desviou na zaga. A sobra ficou limpa com Felipe Amorim, que dominou mal e deixou com o goleiro do Leão.

Bill entra e muda o jogo

Para a etapa final, as equipes vieram modificadas. No Ceará, saíram Michel e Hélder, entrandoAssisinho e Vicente. No Leão, Robert, apagado, deu vaga a Diego Neves. Mesmo com a vantagem no placar, o Leão foi quem voltou melhor.

O Tricolor apertava a marcação na saída de bola do Vovô e ainda criava oportunidades. Aos 8, Marcelinho Paraíba fez  jogada individual pela direita e encheu o pé, mas o chute foi desviado pela defesa.

Preso no campo de defesa, o Ceará via o tempo passar e não esboçava reação. Até que o treinador Sérgio Soares fez uma troca de centroavantes: saiu Tadeu e entrou Bill. Na sua primeira jogada, Bill empatou o placar. Ricardinho lança a bola na área e Luís Henrique "bateu roupa". O centroavante ficou com a sobra e somente encostou para o fundo do gol.

Empurrado pelo torcedor, o Vovô foi todo ao ataque, e não demorou a virar o placar. Aos 36,Vicente avançou pela esquerda e cruzou na medida para Bill, que completou de carrinho para marcar o segundo gol alvinegro na partida.

Sem deixar o Leão se recuperar do golpe, o Ceará tratou de aumentar a vantagem. Logo aos 38, Ricardinho colocou a bola na cabeça de Magno Alves. O experiente atacante testou firme, sem chances para Luís Henrique.

Abatido, o Leão não esboçou reação e viu sua invencibilidade de 25 jogos ser quebrada pelo seu maior rival.

Ficha técnica:
 
Ceará: Luís Carlos; Samuel Xavier, Sandro, Anderson e Hélder (vicente); João Marcos, Michel (Assisinho) e Ricardinho; Felipe Amorim, Magno Alves e Tadeu (Bill)
Técnico: Sérgio Soares
 
Fortaleza: Luis Henrique; Tiago Cametá, Genílson, Max Oliveira e Fernandinho (Adalberto); Corrêa, Walfrido, Edinho (Romarinho) e Marcelinho Paraíba; Paulinho e Robert (Diego Neves)
Técnico: Marcelo Chamusca
 
Competição: Campeonato Cearense
Local: Arena Castelão, em Fortaleza (CE)
Data: 30/03/2014 (domingo)
Horário: 16h
Árbitro: Avelar Rodrigo
Assistentes: Mardônio Ribeiro e Renan Aguiar
 
Gols: Bill (28', 36'-2ºT) e Magno Alves (38'-2ºT)(;Edinho (18'-1ºT) [Fortaleza]
 
Cartões amarelos: João Marcos (Ceará); Edinho, Marcelinho Paraíba e Paulinho (Fortaleza).
Fonte: dn

 


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Design profissional
  • Criação super fácil

Este site foi criado com Webnode. Crie o seu de graça agora!