Fortaleza cede empate ao Águia em Marabá

 Tudo caminhava nesse sábado para que a única coisa apertada no Zinho de Oliveira em Marabá seria mesmo o estreito gramado do estádio. Mas o placar foi também. Após abrir dois gols de vantagem ainda no primeiro tempo e ter a quase certeza de mais três pontos garantidos na Série C, o Fortaleza permitiu a reação do Águia nos minutos finais e saiu do Pará com o amargo gosto do empate por 2 a 2, na tarde deste sábado, 25, em partida válida pela 9ª rodada da competição.


O Fortaleza precisou de pouco mais de meia hora para construir um bom placar com os gols de Lúcio Maranhão e Thallyson na primeira etapa. No entanto, o time do Pici sentou na liderança no marcador e viu Daniel Santos e Negretti deixarem tudo igual aos 41 e 46 minutos do segundo tempo, respectivamente.

Com o resultado, o Fortaleza vê diminuir a vantagem na liderança do Grupo A da Série C. O Leão encerra a primeira metade da fase de classificação na liderança com 20 pontos, um a mais que o Vila Nova, segundo colocado do Grupo A.
Na próxima rodada, o Fortaleza volta a jogar na capital cearense, fazendo duelo estadual contra o Icasa no Castelão, às 16 horas do próximo sábado, 1.

Embora nunca tenha perdido para o Águia, o Fortaleza costuma ter dificuldades contra o time paraense. Esse foi sétimo empate entre as equipes em nove jogos disputados pela Série C.

Mesmo sem fazer gols, Maranhão foi o principal destaque Tricolor na partida. Saiu dele os passes para os dois gols tricolores. O primeiro aos 15, quando ele tramou boa jogada com Lúcio Maranhão, deixando o centroavante livre para estufar as redes do goleiro Paulo Rafael, quebrando jejum de quase dois meses sem marcar. No segundo gol leonino, Maranhão foi para a esquerda tabelar com Thallyson e deixar o lateral livre para aumentar a vantagem. 

Além das assistências, Maranhão perdeu duas chances de matar o jogo, enquanto Lúcio Maranhão também desperdiçou uma ao acertar a trave, mesmo posicionado na pequena área com o goleiro paraense caído.

Reação
Ocupando a penúltima posição da tabela e sem vencer um jogo da Série C desde outubro do ano passado, o Águia apelava para a vontade e o cansaço tricolor para tentar o empate.
 
Relaxado com a vantagem e desgastado fisicamente, o Fortaleza permitiu a reação paraense. Daniel Santos diminuiu com um chute de dentro da área e Negretti subiu mais alto para aproveitar o escanteio e balançar as redes nos acréscimos.

Fonte: opovo


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Centenas de templates
  • Todo em português

Este site foi criado com Webnode. Crie um grátis para você também!