Fortaleza vence Ceará nas penalidades e sagra-se Campeão Cearense 2014

Reeditando a final do Campeonato Cearense profissional, Fortaleza e Ceará se enfrentaram na manhã deste sábado (01), no Presidente Vargas, em partida decisiva do sub-17. Desta vez, o Tricolor levou a melhor, consagrando-se campeão do certame, nos pênaltis.

Depois de se estudarem bastante durante os 45 primeiros minutos, Fortaleza e Ceará guardaram as emoções da grande decisão para o segundo tempo.

Melhor na partida, mostrando entrosamento no ataque e segurança na defesa, o Ceará não demorou a chegar ao gol. Aos 14 minutos, o lateral Marquinhos cobrou falta e permitiu que o zagueiro Mateus subisse de frente para o gol e abrisse o placar para o Vovô.

Precisando empatar, o técnico Jorge Veras deixou o Leão mais ofensivo. Mesmo jogando mal, as alterações surtiram efeito e levaram o Tricolor ao empate. Em cobrança de falta direta para o gol, Rodrigo, filho de Marcelinho Paraíba, marcou um golaço, aos 20 minutos.

O Ceará voltou a dominar o confronto, mas apareceu o nome da partida, o goleiro Levi. Com grandes defesas, o arqueiro tricolor levou a final para os pênaltis.

Ingredientes finais de um Clássico-Rei

O Clássico-Rei também foi marcado por confusão. Depois de um lance em que o jogador do Tricolor caiu na área e o juiz não marcou o pênalti, a comissão técnica do Fortaleza invadiu o campo, e o treinador, Jorge Veras, e o auxiliar técnico, José Carlos, foram expulsos. O técnico do Alvinegro, Juca, reclamou da atitude dos adversários e também deixou o campo.

Nas cobranças de pênaltis, o atacante alvinegro Caio Cesar mandou a bola por cima do gol, depois de 4 atletas do Fortaleza colocarem a redonda nas redes. No último pênalti do Tricolor, o atacante Roberto converteu, dando ao time o quarto título da competição, e o terceiro de base neste ano de 2014.

Fonte: dn


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Centenas de templates
  • Todo em português

Este site foi criado com Webnode. Crie um grátis para você também!