Rafael Silva mais uma vez marca e Vasco conquista Carioca

De titular e camisa 9 no início da temporada a ausente até na lista de relacionados. Talismã do  título carioca do Vasco, Rafael Silva viveu momentos distintos nos primeiros cinco meses de 2015. Mas já sabia que o final dessa história seria feliz. Ou pelo menos tinha a esperança que fosse. No dia 23 de março, após ficar fora do banco de reservas no clássico contra o Flamengo, o atacante foi na igreja. Pediu a Deus para ser abençoado com um gol na final e sentiu que tinha sido atendido.

Quis o destino que a graça viesse em dobro. Foi dele o gol da vitória por 1 a 0 sobre o Botafogo no primeiro jogo. Na ocasião, ele avisou aos jornalistas que tinha uma surpresa para revelar caso o título fosse confirmado. Na segunda partida, novo gol no 2 a 1 e festa garantida.

- Ninguém sabia do vídeo, nem a minha esposa. Deus me prometeu e eu sabia que ele ia cumprir. É muito gratificante poder ajudar com meus gols, mas o mérito é de toda a equipe. Todo jogador vive de conquistas e não quero parar por aqui. Agora acho que serei mais conhecido no futebol e quero chegar mais longe. É muito bom ser chamado de herói e talismã - resumiu ele durante a festa de comemoração pelo título em uma churrascaria na Zona Oeste do Rio.

Religioso, Rafael foi batizado recentemente. Ele frequenta a Igreja Universal do Recreio com a família. E é lá que vai mostrar o vídeo e dar seu testemunho sobre o caso.

- Ele sempre foi religioso, mas não frequentava muito a igreja. Passou a ir mais de uns tempos para cá e está dando certo. Rafael foi batizado recentemente e tudo de bom que vem acontecendo em sua carreira é a prova viva do poder de Deus - lembrou a esposa Cristiane, mãe dos dois filhos do atacante: Rafaela e Pedro.

Em alta com o técnico Doriva, com quem conquistou o título paulista de 2014, Rafael Silva tem contrato até o fim do ano e tenta se firmar de vez no time titular do Vasco. Em 2015, já são 17 jogos e cinco gols. Dois deles que ficarão para sempre marcados na lembrança do torcedor vascaíno como os responsáveis pelo fim de um jejum de 12 anos.

- Rafael está brilhando como o cabelo dele (risos). Foi um jogador importante nos dois jogos finais marcando gols. E principalmente cumprindo o que estava determinado para ele fazer no jogo - resumiu Doriva.

Após o título, o Vasco deu folga ao seu elenco nesta segunda-feira. A reapresentação está marcada para terça. Agora o clube volta suas atenções para o Campeonato Brasileiro. A estreia será no domingo, dia 10, contra o Goiás, em São Januário.

Fonte: g1


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Design profissional
  • Criação super fácil

Este site foi criado com Webnode. Crie o seu de graça agora!