Ceará joga bem e vence América em Minas Gerais

29/08/2012 08:10

Ceará bate América/MG por 3 a 1, se recupera da derrota para o Vitória e diminui para seis pontos a distância do G4
O Ceará pegou gosto pelas vitórias fora de casa nesta Série B. Depois de ganhar os dois jogos anteriores longe de seus domínios, o Vovô bateu o América/MG por 3 a 1, com dois gols em dois minutos, nos acréscimos da etapa final, em Belo Horizonte, se reabilitando da derrota para o Vitória no PV e largando bem no returno da competição.

Com o resultado, o Alvinegro chegou aos 30 pontos, se mantendo em 10º lugar e diminuindo para seis pontos a distância em relação ao G4. Nesta sexta-feira, 31, o Vovô recebe o Guaratinguetá no PV, procurando diminuir ainda mais a diferença.
Disposto a mostrar que a derrota para o líder Vitória no PV foi um acidente de percurso após vencer três seguidas na Série B, o Ceará iniciou ousado a partida contra o América/MG, sem a velha tática de segurar o time da casa nos primeiros minutos.
Com uma marcação adiantada e os alas bem à frente, o Vovô surpreendeu o Coelho. Sem deixar o time mineiro jogar, o Ceará rapidamente tomou para si a posse de bola, e passou a criar uma chance atrás da outra.
Na primeira, logo aos nove, Mota, de frente para o gol, chutou em cima de Neneca.
Mas no ataque seguinte, Mota não perderia. O atacante recebeu lançamento de Márcio Careca, adiantou a bola de cabeça e chutou cruzado para fazer 1 a 0 para o Vovô, aos 18 minutos.
Bem postado em campo e eficiente nos desarmes, o Ceará segurou bem a pressão do América, quando preciso.
O Coelho foi criar uma situação clara de gol só aos 43, em finalização à queima-roupa de Thiago Humberto, que Fernando Henrique tirou com o pé.
Depois de salvar-se das investidas do Coelho, o Vovô por pouco não aumentou a vantagem: aos 48, Apodi deu de calcanhar para Bruninho, que, na pequena área, chutou rente à trave.

Emoção
No segundo tempo, o América impôs uma pressão maior ao Ceará. Mas ainda que pressionado, o Vovô continuava perigoso, e, aos três minutos, Márcio Careca acertou chute de longe, que o goleiro Neneca espalmou.
Mas depois dos 15 minutos, o ímpeto do América diminuiu e o Vovô passou a tocar melhor a bola e atacar mais.
Sem levar perigo ao gol do adversário, o Ceará passou a aceitar a pressão do time da casa e recuou, o que foi fatal. Aos 33, Adeílson finalizou forte, por entre as pernas de Fernando Henrique para empatar.
Depois de sofrer o empate, o Ceará criou duas boas chances. A primeira em cabeçada de Robert, aos 36, e no minuto seguinte, em cabeçada de Luizão, que o goleiro Neneca tirou no tapinha antes que entrasse.
Quando o jogo passava dos 45 e o empate se aproximava – o que seria injusto pelo que o Ceará mostrou em campo –, aos 46 o Vovô chegou ao segundo gol: após cobrança de falta, Neneca saiu atrapalhado e a bola sobrou para Thiego marcar de cabeça.
E no minuto seguinte, ainda deu tempo para o Vovô fazer o terceiro, em contra-ataque puxado por Eusébio, que deixou Magno livre para só empurrar para o gol e fechar o placar.

Tópico: Ceará joga bem e vence América em Minas Gerais

Nenhum comentário foi encontrado.

Novo comentário


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Design profissional
  • Criação super fácil

Este site foi criado com Webnode. Crie o seu de graça agora!