Guaramiranga é uma festa

07/09/2012 19:21

O feriadão que hoje se inicia é um convite ao descanso e ao lazer. A pequena Guaramiranga, na Serra de Baturité, é ideal para curtir os dias de folga. A partir de amanhã, porém, a cidade ganha um charme extra com o início do Festival Nordestino de Teatro.

Em sua 19ª edição, o evento invade não só os teatros, mas também as ruas e praças da cidade. Os espetáculos serão encenados no Teatro Municipal Rachel de Queiroz, no Teatrinho Rachel de Queiroz, Central de Artesanato, Sala e jardins do Mosteiro dos Capuchinhos, Camping Hotel Alto da Serra e nas ruas de Guaramiranga.

Ao todo, serão oito dias de programação gratuita, incluindo apresentações, debates, oficinas, encontros, entre outras atividades. O espetáculo Criaturas de Papel, do grupo cearense Bricoleiros, abre a Mostra Nordeste, carro-chefe do festival, da qual participam nove companhias teatrais de seis estados da região.

Nesta edição, foram 80 espetáculos inscritos de 71 grupos de oito estados do Nordeste. A seleção foi realizada pela comissão composta por Dane de Jade, Rejane Reinaldo e Paulo Victor Feitosa. Durante o festival, o melhor espetáculo na opinião do público será agraciado com o Troféu Beija-Flor.

 

VOCÊ VAI CURTIR

Além de aproveitar o clima frio e o charme da cidade de Guaramiranga, toda a programação do Festival de Teatro é gratuita.

 

EU VOU!

“O evento é muito bacana e, como não temos uma tradição de festivais, é importante que quem gosta de teatro prestigie. A cidade também fica em um clima ótimo, com muita gente de fora, no astral do festival.”
 

Rafael Cordeiro Felismino, turismólogo

 

Serviço

XIX Festival Nordestino de Teatro de Guaramiranga

Quando: de 8 a 15 de setembro

Onde: Teatros e espaços públicos de Guaramiranga

Quanto: grátis

Outras info.: (85) 3321 1405 ou www.fntguaramiranga.blogspot.com.br

 

15 DE JUNHO

PROTOCOLO LUNAR


Atração de encerramento do festival, o espetáculo baiano mostra o encontro de uma menina que quer entender poesia e uma velha que carrega uma biblioteca em malas. Dentre os livros, a garota descobre o Protocolo Lunar, que conta uma história de amor. Dia 15/9, às 19h, no Teatro Rachel de Queiroz.

 

Pensamento e diversão!

O Festival de Guaramiranga não resume às apresentações. Além dos espetáculos, o evento conta ainda com mais três mostras: Programa Arte Retirante, com espetáculos cearenses promovidos pelo Banco do Nordeste, FNT para Crianças, mostra de espetáculos infantis, e Música no FNT, apresentação de grupos do Projeto Cidade da Arte e bandas convidadas.

Durante o período, acontece também o XI Encontro de Artistas Pesquisadores, que compõe o Programa de Formação do festival. Paralelamente, o Seminário Cidades Criativas e o Desafio da Sustentabilidade – Bases para o Planejamento Estratégico do Festival de Guaramiranga discute os desafios e estratégias para a cidade se organizar para receber o crescente festival.


Para quem subir a serra em busca de badalação, a Fertinha, que acontece esporadicamente na Praia de Iracema, ocorre no famoso Odilon Bar, no próximo dia 15, encerrando o evento. Segundo o idealizador Cé da Silva, a “ideia é encerrar essa grande festa com uma maior ainda. Não vai faltar alegria, amigos e encontros”. No line up, estão os DJs Bia Turri, Estácio Facó e Darwin Marinho.

   

PROGRAMAÇÃO

Cinema (PE). O espetáculo mostra vidas e desejos que se cruzam criando uma rede de acontecimentos surpreendentes em uma fábula sobre as relações humanas nesta primeira fase do século XXI. Dia 14, às 19h, no Teatro Rachel de Queiroz.

Dia Desmanchado (RS). Inspirada em O Ensaio, de Benjamin Bradford, a peça - convidada especial - tem como situação central um homem ensaiando em casa o encontro com uma mulher. Dia 8, às 23h, no Teatro Rachel de Queiroz.

Quando as Galinhas Gemem (CE). Sofrendo com a solidão, um velho de 66 anos se apega a animais que morrem seguidamente. Cansado de tudo, pede que alguém da plateia lhe dê um final feliz. Dia 13, às 21h30, no Teatrinho.

Criaturas de Papel (CE). Papéis brancos transformados em figuras cênicas ganham vida. O espetáculo fala de encontros enquanto força fundamental do pulso de existir e habitar um espaço. Dia 8, às 19h30, no Teatro Rachel de Queiroz.

Sebastião (BA). A peça conta a história de um nordestino que se vê envolvido em uma trama de perseguição depois que participa do saque de um avião que caiu com R$ 5,6 milhões. Dia 9, às 19h, no Teatro Rachel de Queiroz.

Anáguas (PB). Três mulheres - uma mãe e duas filhas – lutam, cada uma a sua maneira, para que suas convicções e crenças sejam aceitas. Para isso, são capazes de liberar o que têm de mais cruel. Dia 13, às 19h no Teatro Rachel de Queiroz.

Fonte: opovo

Tópico: Guaramiranga é uma festa

Nenhum comentário foi encontrado.

Novo comentário


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Design profissional
  • Criação super fácil

Este site foi criado com Webnode. Crie o seu de graça agora!