Argentina bate Uruguai em mais um jogo cheio de emoções

  • Na defensiva durante quase toda a partida, o Uruguai se mandou para o ataque depois do gol de Agüero e conseguiu levar perigo ao gol de Romero. O goleiro argentino até fez boas defesas, mas acabou permitindo grande chance ao dar rebote em chute de Maxi Pereira. Rolán, livre na pequena área, perdeu chance incrível.

  • IRRITADINHO

    Tata Martino teve que acompanhar de uma cabine de rádio a primeira vitória da Argentina na Copa América. Ainda no primeiro tempo, o treinador argentino reclamou muito de marcações de Sandro Meira Ricci e acabou expulso pelo árbitro brasileiro.

  • ARTILHEIRO DECISIVO

    Como já tinha acontecido na estreia, diante do Paraguai, Agüero deixou sua marca em La Serena. Incansável, o atacante parou em Muslera na melhor chance do primeiro tempo, em cabeçada na pequena área. No segundo tempo, porém, o goleiro não teve chance em linda finalização de peixinho. Kun ainda teve duas boas chances em contra-ataques, podia servir companheiros em melhor condição, mas foi fominha e desperdiçou as oportunidades.
     

  • Os ingredientes são bem conhecidos: jogo pegado, bons jogadores e muita rivalidade. O mais tradicional clássico da Copa América fez valer seu histórico. Com muita luta e um belo gol de Agüero, a Argentina bateu o Uruguai por 1 a 0 nesta terça-feira, em La Serena, e assumiu a liderança do Grupo B - divide com o Paraguai, empatado em todos os critérios. Depois do tropeço na estreia, os hermanos se recuperam e podem garantir a classificação mesmo com um empate na próxima rodada. O Uruguai caiu para a terceira posição.

 


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Centenas de templates
  • Todo em português

Este site foi criado com Webnode. Crie um grátis para você também!