Ceará terá força máxima e Guarany tem um desfalque para finalíssima

O Ceará vai para a última partida da final do Cearense como o time menos vazado do campeonato. O Alvinegro, que entrou no Estadual já na segunda fase, disputou 17 jogos e teve suas redes balançadas apenas 16 vezes, uma média de 0,94 gols por partida. Já o Guarany de Sobral, segundo finalista, sofreu 46 gols em 35 partidas, ou 1,31 gol por jogo.

Com o trunfo da defesa eficiente, o Vovô tem à frente um rival que ainda não conseguiu superar este ano: em três partidas disputadas, perdeu duas e empatou a última.

Para a partida de domingo, no Castelão, o Ceará vem com força total. A presença de Lulinha como titular foi confirmada pelo técnico Leandro Campos, e o atacante já treinou com bola ontem. João Marcos e Diogo Orlando, que ficaram fora da partida de quarta-feira por suspensão, também voltam e o sistema defensivo poderá contar com a dupla de volantes titulares.

A posição é tradição importante no clube. A eficiência defensiva da temporada chega a lembrar o Trio de Ferro formado em 2009 por João Marcos ao lado de Heleno e Michel.

A dupla de volantes, de volta para a decisão do Estadual, pode ser decisiva para o sucesso do Alvinegro. Para Diogo Orlando, na primeira decisão pelo Ceará, é a chance de ter seu segundo campeonato estadual consecutivo. No ano passado, venceu o Catarinense pelo Avaí.

GUARANY QUASE COMPLETO

Para o jogo de domingo, o time sobralense deve ter apenas um desfalque. O zagueiro Joécio recebeu o terceiro cartão amarelo e cumprirá suspensão.

Já o atacante Marciel e o meia Marcinho terminaram a última partida sentindo dores, mas já foram avaliados pelo departamento médico do clube e não devem ficar de fora da decisão.

Fonte: opovo


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Design profissional
  • Criação super fácil

Este site foi criado com Webnode. Crie o seu de graça agora!