Ceará vence Vasco no Castelão e entra no G4

Esbanjando vontade e determinação, o Cearásuperou o Vasco na tarde deste sábado (15), na Arena Castelão, e voltou a vencer na Série B 2014, após uma sequência de 5 jogos sem vitórias. Diego Ivo e Ricardinho marcaram os golaços que deram os 3 pontos ao Vovô.

Com o resultado positivo, o Ceará atingiu 54 pontos e entrou no G4 da competição momentaneamente. Para se manter na zona de classificação para a Série A, o torcedor alvinegro precisa torcer para a derrota do Boa Esporte.

O Vasco continua com 59 pontos, na terceira colocação, dependendo ainda apenas de suas próprias forças para subir de divisão.

Na próxima rodada, a 36ª, o Ceará enfrenta o ABC, que luta contra o rebaixamento, fora de casa. O jogo acontece na próxima terça (18), às 20h50 (horário de Fortaleza). No mesmo horário, o Vasco recebe o já rebaixado Vila Nova, em São Januário.

Bola parada define o primeiro tempo

Enquanto o Vasco entrou mais defensivo em campo, escalado no 3-5-2, e optou por tocar a bola sem objetividade, o Ceará mostrou mais ímpeto desde o começo da partida. O chute ao gol sem direção do volante Michel, com apenas 14 segundos de jogo, apresentava as intenções da equipe cearense.

A vontade da equipe cearense não representou chances de gol, entretanto. Com o meio-campo congestionado por jogadores do Vasco, as melhores chegadas do Vovô aconteceram pelas laterais, com Assisinho e Samuel Xavier.

Um dos ataques pelas laterais originou uma falta, aos 31 minutos. Após a cobrança e bate-rebate, a bola sobrou à feição para o zagueiro Diego Ivo bater com violência e marcar um golaço.

Mesmo a frente do placar, o Ceará continuou esbanjando disposição e chegou ao segundo gol em uma nova bola parada. Ricardinho cobrou falta com perfeição e marcou outro golaço para o Vovô, dando números finais ao primeiro tempo.

Vasco não reage e Ceará quase amplia
 
Precisando agredir, o Vasco foi ao ataque como podia e se expôs na defesa no segundo tempo. Jogando mais solto e com o campo aberto, o Ceará melhorou na partida e esteve mais perto de marcar o gol que o adversário.
 
Em dois contra-ataques, Bill, que estava sumido na partida, quase ampliou o placar para o Vovô. No primeiro, aos 15 minutos, após passe fantástico de Ricardinho, o centroavante tentou sofisticar e acabou perdendo chance inacreditável, na cara do gol.
 
Dois minutos depois, novamente o atacante foi lançado nas costas da defesa, mas o goleiro Martín Silva se antecipou e evitou o pior, próximo ao meio de campo.
 
Apesar do placar desfavorável, o Vasco não assutou o gol de Luís Carlos, que saiu da partida sem nenhuma defesa difícil. No último lance de perigo da partida, Ricardinho foi lançado pela direita e chutou rasteiro, no canto oposto do goleiro Martín Silva, que pulou para fazer boa defesa e assegura o placar de 2 a 0.
Fonte: dn

 


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Centenas de templates
  • Todo em português

Este site foi criado com Webnode. Crie um grátis para você também!