Chile empata com México em jogo emocionante

Chile e México foram responsáveis pelo que deve ser considerada a partida mais eletrizante de toda Copa América . Os torcedores presentes no Estádio Nacional, em Santiago, no Chile, tiveram a oportunidade de ver seis gols, uma virada chilena e duas buscas inesperadas dos mexicanos por um empate. No final, apesar dos donos da casa merecerem mais a vitória, um empate por 3 a 3 reinou no placar. Vidal, duas vezes, e Vargas marcaram para os anfitriões, enquanto Vuoso, também em duas oportunidades, e Jiménez igualaram para os visitantes.

Sem o triunfo, o Chile desperdiça a oportunidade de ser a primeira equipe classificada para as quartas de final da competição, mas mantém a liderança do Grupo A, com os mesmos quatro pontos da Bolívia, que nesta segunda bateu o Equador por 3 a 2. Já o México caiu uma posição e agora está na terceira posição, com dois pontos.

Os torcedores presentes no Estádio Nacional não acompanharam um primeiro tempo técnico, mas foram recompensados em termos de gols e emoção. Na ânsia de abrir de marcar logo o primeiro, os chilenos demonstraram certo nervosismo, erraram muitas saídas de bola e viram os mexicanos abrirem o placar com Vuoso, completando uma bola ajeitada por Medina .

Não demorou muito, ou melhor, quase nada, para o Chile empatar e mostrar um fator que decidiria o primeira tempo: a vulnerabilidade no jogo aéreo das duas defesas. Um minuto depois de sofrer o gol, os chilenos igualaram com Vidal, de cabeça, após bela cobrança de escanteio. Pouco tempo depois, mais precisamente oito minutos, foi a vez de Aldrete bater um tiro de canto e Jiménez usar sua estatura para colocar o México novamente na frente. Quando a etapa inicial parecia definida, um lance de bola alçada na área funcionou de novo. Vidal cruzou e Vargas, sozinho, de cabeça, empatou.

 Foto: Fernando Bizerra Jr. / EFE
Fonte: terra

 


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Design profissional
  • Criação super fácil

Este site foi criado com Webnode. Crie o seu de graça agora!