Fortaleza pagará dívida de aluguel do PV parcelado em dez vezes

O Fortaleza pagará a dívida referente ao aluguel do estádio Presidente Vargas. Mas não será à vista. Em acordo com a Secretaria de Esporte e Lazer do Município (Secel), a diretoria tricolor se comprometeu e irá ressarcir a arena esportiva em dez parcelas de R$ 4.298. O valor começa a ser descontado dos borderôs a partir do próximo jogo do Leão, na quinta-feira (24), às 19h15min, contra o Sousa-PB.

"Este acordo foi feito entre a diretoria do Fortaleza e a Secel, representada pelo secretário Márcio Lopes. Vamos descontar o valor em dez jogos realizados no PV. O valor ultrapassa os R$ 42 mil. Foi tudo acertado sem nenhum atrito. O Fortaleza não apresenta problemas, o Fortaleza apresenta soluções", expôs ao Esportes O POVO o diretor administrativo do clube, Noé de Brito.

De acordo com o dirigente, para que o Fortaleza mantenha rendas proveitosas para o clube - além de arcar com as parcelas -, é preciso que se mantenha média de público com pelo menos 12 mil pessoas. "Este número é o que compreendemos como uma receita condizente", finalizou Noé. Além deste valor, o time arcará normalmente com o aluguel da arena.

Relembre:

- Fortaleza só volta a jogar no PV se quitar dívida com aluguel do estádio, diz titular da Secel

- Presidente do Fortaleza diz que clube pagará dívida do aluguel e que time jogará no PV "contra ou a favor da vontade do secretário"

Na última segunda-feira (14), Márcio Lopes, informou que o Fortaleza ainda devia quantia referente ao aluguel do estádio para a partida decisiva contra o Oeste/SP, pelas semifinais da Série C, em 11 de novembro de 2012. O secretário apontou que o Tricolor levou os 7% da renda que pertencia ao estádio. Por conta da pendência financeira, Lopes avisou que o clube só voltaria a jogar no PV se pagasse a dívida referente ao aluguel.

A abordagem provocou indignação do presidente do Fortaleza, Osmar Baquit, que garantiu que o Leão iria arcar com o que devesse. Ainda segundo o dirigente leonino, Márcio Lopes agiu de "forma errada", e criou "polêmica desnecessária". Além disso, garantiu que o jogo contra o Sousa, pela Copa do Nordeste, seria realizado no Presidente Vargas.

Porém, na sexta-feira, as arestas foram aparadas entre os dois lados da história. "Eles (representantes do Fortaleza) vieram aqui, conversamos. O Fortaleza reconheceu a dívida do aluguel. E que o dinheiro foi gasto, inevitavelmente. Então, será tirado do R$ 4.298 de cada jogo, que era o valor de quase 42.980,41 mil dividido por 10. Foi uma conversa muito tranquila, falei com o Baquit pelo telefone e nos resolvemos", detalhou Márcio Lopes.

Quanto a valores de prejuízo causados ao estádio, no jogo contra o Oeste, o secretário garante que clube responderá na Justiça. Mas deixou claro que a responsabilidade do Fortaleza já está traçada a partir do próximo jogo: "está previsto em contrato com o clube e eles se responsabilizam pelos danos causados ao estádio desde já".

Fonte: opovo

Tópico: Fortaleza pagará dívida de aluguel do PV parcelado em dez vezes

Nenhum comentário foi encontrado.

Novo comentário

Tópico: Fortaleza pagará dívida de aluguel do PV parcelado em dez vezes

Nenhum comentário foi encontrado.

Novo comentário


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Design profissional
  • Criação super fácil

Este site foi criado com Webnode. Crie o seu de graça agora!