Fortaleza vence CRB por 3 x 0 e dispara na liderança

O Fortaleza deu mais um passo no Campeonato Brasileiro da Série C e, em jogo pegado, venceu o CRB por 1 a 0, neste sábado, no estádio do Junco, em Sobral. Com o triunfo, o Fortaleza disparou na liderança do Grupo A com dez pontos seis a mais que a três equipes que dividem a vice-liderança. No entanto, a distância pode diminuir após o término das partidas de domingo. O Tricolor tem dois jogos a mais que os adversários.

O JOGO
O Fortaleza começou o jogo pressionando logo aos três minutos com cabeceio do zagueiro Charles que passou perto do gol defendido por Julio César. O arqueiro estava vendido no lance. Aos poucos, o tricolor tomava conta do jogo e criava as melhores chances até que aos 19, o Tricolor abriu o placar.
Jackson Caucaia fez boa jogada lançando Ruan. O atavante ficou na cara do gol e, após dividir com o goleiro Júlio César, a bola sobrou para Guarú que empurrou para as redes e marcar o primeiro gol do jogo.
Com o gol, o Fortaleza se empolgou e partiu para o ataque em busca do segundo. Ruan seguia levando perigo à defesa alagoana pela pontas, assim como Guaru com lançamentos precisos no meio de campo.
Desorganizado em campo, o CRB não conseguia chegar com perigo ao gol de Flávio. Já o Fortaleza criava as melhores chances e o segundo gol parecia questão de tempo. Dessa forma seguiu a partida até o intervalo.
Para o segundo tempo, muitas mudanças dos dois lados. O técnico Hélio dos Anjos tirou o amarelado Jackson Caucaia para evitar um vermelho e promoveu a estreia de Joilson. No CRB, o técnico Márcio Goiano foi para tudo ou nada colocando Thiaguinho e Zé Paulo e tirando Johnnattan e Jairo.
Mesmo com todas as mudanças, o panorama do jogo não mudou e o Fortaleza seguiu dominando. O começo da etapa final foi marcada pelo número excessivo de faltas e o festival de cartões distribuídos pelo árbitro Leandro Saraiva Dantas.
O capitão do CRB Paulo Sérgio revidou uma falta do atacante Ruan e agrediu o jogador do Fortaleza. O lateral ex-Ceará levou o vermelho direto. Com um a mais, cabia ao tricolor buscar os espaços para ampliar o placar. No entanto, o jogo seguia muito truncado, com faltas e cartões em demasia.

A medida que o jogo ia aos poucos esfriando, o Fortaleza aproveitava a superioridade numérica e ficava próximo de ampliar a vantagem. Fraca tecnicamente, a defesa do CRB dava mostras que o gol tricolornão demoraria.

Somente aos 25 do segundo tempo, os regatianos conseguiram a primeira chance clara de gol com Danilo Sacramento lançando Zé Paulo, que chutou para fora.

 

JOILSON EXPULSO NA ESTREIA

Quando o Fortaleza mais pressionava, um balde de água fria nas pretensões triclores. Joílson, que entrou no lugar do amarelado Jackson Caucaia justamente para evitar uma expulsão, deixou o cotovelo no rosto de Marcos Antônio e levou o vermelho. O volante deixou o Fortaleza com 10 exatamente na estreia.

Com as duas equipes com dez, o jogo ficou aberto. O Fortaleza buscava matar a partida enquanto o CRB partia para o empate. Até que aos 35 minutos, Lucio, que entrou no lugar do amarelado Guaru, levantou na área para Assisinho que, em posição duvidosa, matou no peito e encheu o pé direito para ampliar o marcador.

No desespero, o CRB partiu para cima com tudo e deixou espaços na defesa para os contra-ataques do Fortaleza. Em um deles, aos 48 minutos, boa jogada de ataque entre Jailson, Assisinho e Lúcio que selou a vitória do Leão ao marcar o terceiro gol.

O Fortaleza volta a entrar em campo pelo Campeonato Brasileiro da Série C, próximo sábado (13), contra o Santa Cruz, no estádio do Arruda, em Recife. Porém, antes o Fortaleza tem um compromisso quarta-feira (10) no estádio Presidente Vargas contra o Luverdense, pela Copa do Brasil.

FICHA TÉCNICA
FORTALEZA 3X0 CRB

FORTALEZA: Flávio; Léo Rodrigues, Fabrício, Charles e Marinho Donizete; Jaílton, Esley, Jackson Caucaia (Joílson) e Guarú (Lúcio); Assisinho e Ruan (Jailson); Técnico: Hélio dos Anjos
CRB: Júlio César; Paulo Sérgio, Audálio, Marcus Vinícius e Marcos Antônio; Marcinho Guerreiro, Johnnattan (Thiaguinho), Jairo (Zé Paulo), Danilo Sacramento e Thiago Potiguar; Schwenck (Denilson); Técnico: Márcio Goiano.
Árbitro: Leandro Saraiva Dantas de Oliveira (CBF-RN)
Assistentes: Vinicius Melo de Lima (CBF-RN) e Jean Márcio dos Santos (CBF-RN)
Cartões Amarelos: Paulo Sérgio e Schwenck (CRB); Jackson Caucaia, Ruan e Léo Rodrigues (FOR).
Cartões Vermelhos: Paulo Sérgio (CRB) e Joílson (FOR).
Gols: Guarú (FOR), aos 19 min do 1T; Assisinho (FOR), aos 35 do 2T, e Lúcio (FOR), aos 48 do 2T;

Fonte: opovo


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Design profissional
  • Criação super fácil

Este site foi criado com Webnode. Crie o seu de graça agora!