Icasa vence Ferroviário em pleno PV

Em mais um jogo de arbitragem polêmica, o Icasa venceu o Ferroviário de virada por 3 a 2, na tarde deste sábado no estádio Presidente Vargas. A partida foi definida no segundo tempo e contou com gol do atacante Ted anulado. A revolta da torcida coral tomou as arquibancadas do PV. O trio de árbitros foi vaiado até minutos depois do jogo terminar e precisou sair escoltado de campo.

O JOGO


Ferrão e Verdão fizeram jogo bastante corrido no PV. A pressão inicial foi do time mandante, que abriu o placar logo nos primeiros minutos de bola rolando. Aos 8 da etapa inicial, após cobrança de falta de Éverton, o zagueiro Lima acertou cabeceio preciso e fez a festa da torcida coral: 1 a 0. O Icasa parecia um tanto acuado, mas atento às oportunidades de contra-ataque. Mas bastou pouco tempo para o time comandado por Francisco Diá equilibrar a partida.

O gol de empate dos visitantes foi marcado poucos minutos depois, aos 13. Elanardo encontrou o atacante Adalgiso Pit Bull na área, que driblou a zaga coral e chutou com categoria no canto de Fernando Júnior, sem chances para defesa: 1 a 1. Depois de sofrer o empate, o Tubarão da Barra imprimiu pressão sobre a saída de bola do Verdão. Muitas faltas e alguns cartões foram distribuídas pelo árbitro da partida.

A arbitragem já se transformou em alvo de protestos da torcida coral no primeiro tempo. Na etapa final, as críticas aumentaram a cada lance polêmico. O Ferroviário voltou imprimindo maior pressão. Logo no primeiro minuto, Éverton chutou forte e exigiu boa defesa do goleiro Camilo. Minutos depois, Ted e Giancarlo chegaram com jogada perigosa. Mas o Icasa voltou a deixar o jogo equilibrado, com boas oportunidades ofensivas - principalmente com Pit Bull - e segundo tempo no estádio Presidente Vargas foi de bons momentos para ambas as equipes.

Aos 12, Pit Bull arrancou em velocidade e tocou para Chapinha, que mandou a bola na trave de Fernando Júnior. Minutos depois, Camilo foi novamente exigido. Desta vez, com chutaço de Leandro. Os goleiros dos dois times mostraram serviço em lances de destaque da partida.

O lance mais polêmico da partida surgiu aos 16 minutos do segundo tempo, quando Foguinho cruzou para área e Ted guardou bola nas redes. Porém, foi marcado impedimento no lance. A decisão provocou a revolta nas arquibancadas do PV. Gritos de protesto contra o juiz foram proferidos diretamente ao árbitro responsável.

A bronca foi maior quando o Icasa, aos 24, achou o gol da virada. O zagueiro do Cleilton cochilou em lance de escanteio e Luiz Otávio achou a bola para mandá-la ao gol: 2 a 1. Os gritos contra as decisões questionáveis ganharam ainda mais força.

O Ferroviário voltou a empatar em cobrança de pênalti do artilheiro Giancarlo. Éder, aos 28, fez falta em Ted na área icasiana. A partida continou bastante disputada no meio campo, com boas oportunidades para os dois lados. E quem acabou levando a melhor no final foi o time do Cariri, que balançou as redes nos acréscimos. Aos 46, Pit Bull estava bem posicionado e não desperdiçou: 3 a 2, fim da partida no PV.

Com a derrota, o Tubarão da Barra perde a oportunidade de dormir na liderança do Campeonato Cearense e termina a rodada na terceira posição com 15 pontos, dois a menos que o líder Horizonte que joga amanhãem casa contra o Tiradentes. Já o Icasa se mantém na quarta colocação, mas se aproxima do Ferroviário na tabela alcançando os 14 pontos.

Tópico: Icasa vence Ferroviário em pleno PV

Nenhum comentário foi encontrado.

Novo comentário


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Centenas de templates
  • Todo em português

Este site foi criado com Webnode. Crie um grátis para você também!