Leão encara Treze no Castelão para confirmar classificação

Chega de adiar o futuro na Série C do Brasileiro com tropeços. Após três jogos sem vitória, hoje, às 20h30, contra o Treze no Castelão, o Fortaleza pode finalmente, não só confirmar sua classificação para o mata-mata, como assegurar a primeira colocação do Grupo A.

Um simples empate garante a vaga, mas, com uma vitória, a liderança chega a duas rodadas para o fim da 1ª Fase. A situação privilegiada na chave se dá pelo Tricolor já estar na dianteira do grupo com 28 pontos e após os resultados desta 16ª rodada.

O adversário do Leão, ao contrário, está desesperado, pois entrou na zona de rebaixamento com 16 pontos. Em crise, o Galo da Borborema, demitiu o técnico Givanildo Oliveira na última quarta-feira e caberá ao novo treinador, Everton Goiano, evitar a queda da equipe paraibana.

Mesmo em situação confortável no grupo, o Fortaleza quer dar uma resposta para a torcida, que anda ressabiada após uma derrota fora e dois empates em casa, o último sem gols, contra o Paysandu, quando o time foi vaiado após o apito final.

"A torcida está indo ao estádio, apoiando, querendo ver aquele time que fez boa campanha do Estadual e iniciou bem a Série C. Espero ver o torcedor lá no Castelão, para ver nosso resultado positivo e a classificação", declarou o volante Walfrido, que joga no lugar de Guto, suspenso após expulsão diante do Paysandu, na rodada anterior.

Na partida contra os paraenses, aliás, Walfrido acredita que a equipe atuou bem e só faltou o gol. "Não fomos bem contra o Crac no PV, mas diante do Paysandu no Castelão, tivemos uma boa atuação, saímos para o jogo e faltou só a bola entrar. Espero que contra o Treze o gol saia e a gente consiga vencer".

Além da entrada de Walfrido, o técnico Marcelo Chamusca deve promover as entradas do zagueiro Eduardo Luiz, no posto de Genílson, suspenso pelo terceiro cartão amarelo, e do meia Edinho - que preservado, só entrou no decorrer do jogo com o Papão - no lugar de Erick Flores.

Decisão

Sobre o duelo com o Treze, o técnico Marcelo Chamusca, classificou como decisivo para as duas equipes, já que seu time luta pela classificação, e o adversário, para não ser rebaixado.

"Quem não está lutando para se classificar, está para não cair. É um momento decisivo na competição, com todos dando o seu máximo. A dificuldade só aumenta, temos consciência disso, mas a buscaremos os três pontos, até porque, precisamos voltar a vencer e confirmar matematicamente nossa classificação".

Desespero

Precisando pontuar para sair da zona do descenso, o Treze virá modificado para encarar o Leão. O novo técnico, Everton Goiano, fará cinco modificações em relação ao time que vinha atuando sob o comando de Givanildo.

Fernandes e Osmar ganharam as vagas nas laterais, na zaga, Pitty entra no lugar do contundido Oliveira, Charles Vágner ganha a vaga de Alan Bahia e por fim, no ataque, Bruno Aquino é substituído por Birungueta.

Fonte: dn


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Design profissional
  • Criação super fácil

Este site foi criado com Webnode. Crie o seu de graça agora!