Léo Gamalho no Ceará

A torcida alvinegra não precisa mais se preocupar com o atacante Léo Gamalho como adversário e seus gols contra o clube. O Ceará pagou ontem R$ 150 mil de multa rescisória ao ASA de Arapiraca/AL e contratou o antigo "carrasco" até o fim de 2014.

O gol de Leo Gamalho eliminou o Vovô, em casa, da Copa do Nordeste.

Em 2013, o atacante de 27 anos marcou cinco gols contra o Alvinegro em cinco jogos disputados entre Copa do Nordeste, Copa do Brasil e Série B.

O valor integral da multa era de R$ 200 mil, mas o desejo do jogador em deixar o ASA e atuar pelo Ceará pesou para que a diretoria do clube alagoano aceitasse negociar o valor para facilitar um acerto entre as partes.

A princípio, não era ideia do clube cearense adquirir o jogador por meio de pagamento da multa rescisória. Uma troca envolvendo o lateral-direito Eric e o atacante Romário, do Alvinegro, pelo atacante chegou a ser ventilada, a pedido do técnico do ASA, Leandro Campos - que também treinou o Vovô e foi campeão estadual. Mas os jogadores envolvidos não aceitaram trocar de clube, nem mesmo por empréstimo até o fim do ano.

Assim, restou à diretoria do Ceará negociar o valor da rescisão e adquirir o atleta, que já tem um pré-contrato com o clube. Léo Gamalho deve chegar no próximo domingo, 28, e assinar contrato até o fim de 2014.

O presidente do Ceará, Evandro Leitão, como é de praxe no clube, só confirmará oficialmente a contratação do jogador quando ele desembarcar em Fortaleza e assinar contrato. "Está praticamente fechado. Só dizemos 100% quando o jogador chega e assina, depois de ter passado pelos exames médicos. Ele ainda não chegou, nem assinou. Mas já assinou um pré-contrato", adiantou o dirigente.

Com ritmo de jogo por ter atuando em cinco partidas pelo ASA na Série B, o atacante, caso o técnico Sérgio Guedes assim deseje, já poderá estrear na terça-feira, 30, contra o Chapecoense/SC, no Castelão, pela 11ª rodada da competição nacional.

A chegada de Gamalho visa acabar com a carência no elenco, que não possui um centroavante especialista, fixo na área. Quem se aproxima mais destas características são Romário e Raphael Macena. Os demais, Magno Alves, Rychely, Lulinha e Adriano Pardal, caem mais pelos lados do campo, como na função de "segundo atacante". Já Mota atua até como meia, recuando para armar o jogo.

Carrasco

Neste ano, Léo Gamalho se notabilizou por ser uma espécie de ´carrasco´ contra o Ceará. Dos 14 gols que marcou no ano pelo ASA, cinco foram contra o Vovô, em cinco confrontos disputados. O mais doloroso para a torcida alvinegra ocorreu nas semifinais da Copa do Nordeste, que acabou com eliminação do Alvinegro no Castelão lotado. No jogo de ida (3 a 3), em Alagoas, ele também marcou um.

Gamalho ainda marcaria dois gols no jogo de ida em Alagoas pela Copa do Brasil e outro na partida pela Série B, quando o Vovô goleou por 4 a 1.

SAIBA MAIS

Irrecusável

A diretoria do ASA considerou a proposta do Ceará por Léo Gamalho como irrecusável, balançando o atacante. Ele ganhava R$ 20 mil de salário em Alagoas e terá 65% de "aumento" no Vovô. Ontem, o atacante se despediu do ASA em uma confraternização entre as famílias dos atletas do clube alagoano. O Vovô pagará a multa rescisória em três parcelas de R$ 50 mil

PRÓXIMO PARTIDA

Visando à partida de amanhã, às 16h20, contra o Paraná, no estádio Vila Capanema, o técnico Sérgio Guedes voltou a modificar a equipe titular em treino ontem no Vovozão. Ele tirou o meia Ricardinho da equipe que tinha treinado na quarta-feira, escalado o atacante Adriano Pardal, saindo do 4-4-2 para o 4-3-3.

Fonte: dn


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Design profissional
  • Criação super fácil

Este site foi criado com Webnode. Crie o seu de graça agora!