Ministério Público divulga balanço da operação "Campo Limpo" em sedes de torcidas organizadas

O Ministério Público do Estado do Ceará realizou nesta terça-feira (30) a operação "Campo Limpo" nas sedes das torcidas Cearamor, TUF (Torcida Uniformizada do Fortaleza) e JGT (Jovem Garra Tricolor). Além de prender duas pessoas na sede da torcida organizada do Ceará, encontrou e apreendeu materiais como um revolver calibre 38 e munições de pistola.

Na última sexta-feira (26), a Justiça expediu mandados de busca e apreensão com o o objetivo de atestar a ocorrência de homicídios, tráfico de drogas, formação de quadrilha, porte de arma, dano qualificado, lesões corporais, ameaças, dentre outros. A operação "Campo Limpo" surgiu da investigação das torcidas organizadas e os atos de violência em que elas estão envolvidas.

Na operação, a Polícia Civil e Militar apreenderam um revolver calibre 38, munições de pistola, computadores, pen drive, celulares, máquinas fotográficas e documentos. O material será analisado pelo Ministério Público servirá de embasamento para o procedimento investigativo criminal já instaurado. Os computadores, celulares e pen drive passarão antes pela Perícia Forense.

Também ficou determinada a imediata suspensão das atividades das associações promovidas. As torcidas organizadas tiveram suas contas bancárias bloqueadas. A entrada dos integrantes, associados e simpatizantes nos estádios portando objetos indicadores das respectivas associações estão proibidas. Em caso de descumprimento, será aplicada multa de R$ 1 mil para cada desobediência.

Fonte: opovo


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Design profissional
  • Criação super fácil

Este site foi criado com Webnode. Crie o seu de graça agora!