Tóquio é escolhida sede dos Jogos Olímpicos de 2020

A eufórica festa de quatro anos atrás, quando o Rio de Janeiro venceu a disputa para sediar os Jogos Olímpicos e Paralímpicos de 2016, deu lugar a uma versão mais contida, neste sábado, em Buenos Aires, na Argentina. Desta vez, não teve uma multidão celebrando a vitória nas ruas, nem abraços calorosos, lágrimas para todos os lados e muito menos um ídolo mundial como o Pelé em "campo". Mas, felizes, os japoneses deixaram por alguns instantes a tradicional formalidade oriental de lado para festejar, com direito a pulinhos e bandeirinhas balançando, a honra da capital Tóquio ser palco pela segunda vez do maior evento esportivo do mundo, daqui a sete anos, em 2020.

Respaldado pela sólida economia, infraestrutura de ponta e um projeto grandioso e moderno, a capital japonesa desbancou Istambul e Madri na final da disputa pelas Olimpíadas de 2020, neste sábado, durante a 125ª Assembleia do Comitê Olímpico Internacional. Nem a preocupação com a recente descoberta do vazamento de alta   radioatividade na usina nuclear de Fukushima foi capaz de atrapalhar o sólida proposta japonesa.

Na primeira rodada de votação, Tóquio alcançou o maior número de votos (42), enquanto Istambul e Madri ficaram empatadas com 26. Uma nova rodada foi feita para desempatar, e a cidade turca levou a melhor por 49 a 45. Na última e decisiva votação, a capital japonesa foi superior, somando 60 votos contra 36 da rival. O resultado confirmou o favoritismo já apontado nas principais bolsas de apostas. Depois de 1964, a bandeira olímpica voltará a tremular na terra do sol nascente.

Tóquio comemoração Olimpíadas 2020 (Foto: Getty Images)
Delegação de Tóquio comemora escolha da cidade para sede dos Jogos de 2020 (Foto: Getty Images)

Na apresentação vencedora para os membros do COI, Tóquio apostou nas instalações futuristas, na infraestrutura de qualidade e no sistema de transporte público completo. Votos também foram conquistados com a invejável situação financeira do pais e as garantias de entrrega de tudo o que foi prometido para os Jogos. Um fundo de 4,5 bilhões de dólares (mais de R$ 10 bilhões) já foi separado para o desafio.

A realização das Olimpíadas com total segurança foi outro ponto que ganhou destaque. "Tóquio é um dos lugares mais seguros do mundo", garantiu o primeiro ministro do Japão, Shinzo Abe. Em seguida, o líder político fez um discurso sobre o comprometimento com os valores olímpicos.

Já o polêmico assunto sobre o vazamento da usina nuclear de Fukushima ganhou apenas uma menção rápida durante a apresentação. Shinzo Abe garantiu que não há riscos para Tóquio. Os membros do COI, porém, não ficaram satisfeitos e pediram mais explicações sobre o problema.

- Agora podem existir preocupações com 2020, mas posso assegurar que a situação está controlada. Não teve e não terá nunca um impacto em Tóquio - disse o primeiro-ministro do Japão.

toquio olimpiadas 2020 mosaico  (Foto: Divulgação)

 


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Centenas de templates
  • Todo em português

Este site foi criado com Webnode. Crie um grátis para você também!